Pincéis para maquiagem. Você sabe como usa-los?

/
0 Comments
6624_300x225_crop_q80 Eu também não sabia até achar essas dicas no site Meia fina . Aprendi que para deixar a produção com cara e acabamento de profissional não devemos abrir mão dos pincéis na hora de aplicar o make. Conheça também os diferentes modelos.
Para o corretivo De tamanho médio a pequeno – vai depender de onde você costuma usá-lo – o pincel para aplicação de corretivo deve ser achatado, com cerdas finas e bem unidas entre si, o que garante que o produto se acumule sobre o ponto desejado sem ficar artificial.
Primeiro aplique o corretivo líquido ou cremoso diretamente sobre a imperfeição, usando o pincel com suaves batidinhas, sem esfregá-lo muito.
Corretivo Para a base Os pinceis devem ser maiores, com pêlos longos, finos e pontas retas ou levemente arredondadas. 

Para usá-lo certinho, comece aplicando o produto nas partes centrais do rosto – testa, nariz, queijo e bochechas – e em seguida espalhe-o para as laterais usando movimentos longos. Para quem não quer exagerar na cobertura, fica a dica: umedeça o acessório antes de usá-lo. O resultado fica super natural.
Base
Base boticario 
Para o pó Quanto maior ele for, melhor. O modelo também deve ser redondo, bem cheio e fofinho, de preferência com cerdas naturais, que são mais macias e duradouras. Concentre seu uso na zona T do rosto, onde há maior brilho e oleosidade.
po  

Para o blush Macio e arredondado, muito semelhante ao usado para o pó, apenas um pouco menor. Tamanhos muito pequenos, no entanto, não espalham direito o blush e podem acabar deixando o visual meio “boneca” demais, caso você não tenha muita prática. Na dúvida, fique sempre com o maior.
Modelos ligeiramente chanfrados (em diagonal) são ótimos para quem deseja marcar um pouco mais as maçãs do rosto e afinar a expressão.
 blushe
Para as sombras Apesar de existir uma infinidade de tipos com pequenas variações, três modelos essenciais já serão suficientes para uma boa maquiagem dos olhos.
O primeiro deles é bem básico: pequeno, com cerdas achatadas e sem muita precisão. Use-o para iluminadores, fundos mais claros ou simplesmente para aplicar a primeira camada da sombra sobre as pálpebras. As tradicionais esponjinhas (que costumam vir na embalagem do produto) também podem ser usadas para esta função, mas não espalham o produto com a mesma eficiência. 
Para esfumar, use um modelo arredondado e macio sobre a camada de sombra aplicada. Quanto mais “fofo” o pincel, mais esfumado será o efeito.
Por fim, traços mais definidos, rente aos cílios, podem ser conseguidos com pinceis mais firmes, finos e chanfrados. Use a sombra com um pouco de água para intensificar a cor e criar efeitos similares ao de um lápis ou delineador.  O modelo chanfrado também é perfeito para o cantinho das pálpebras e para aplicar a sombra na parte debaixo dos olhos.
 sombras_pinceis
Para as sobrancelhas Pequeno e chanfrado, muito semelhante ao usado nos olhos.
Acertando na cor da sombra em relação as suas sobrancelhas, você vai perceber que o pincel corrige falhas, desenha e dá volume de maneira bem mais natural que o lápis.
 sobrancelha_pincel
Para a boca Batom aplicado com pincel também espalha melhor, fica mais uniforme e dura muito mais tempo. Use um modelo pequeno, fino, achatado, com as pontas ovaladas ou triangulares.
batom_pincel
Agora que conhecemos os diferentes tipos de pincéis e sabemos como usa-los (pelo menos na teoria, rsss) podemos até arriscar uma produção.
Forte abraço!


Leia também

Postar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Tecnologia do Blogger.