Você é uma pessoa ciumenta?

ciume
A vida a dois nem sempre é um mar de rosas. Algumas vezes as opiniões divergem e, para não desgastar a relação, é preciso abrir mão de algo. Mas quando ceder é um problema para ambas as partes, as conversas já não são suficientes e as brigas são constantes, é hora de acender o sinal de alerta.
A autora do livro Melhor do que Comprar Sapatos, Cristiane Cardoso, nos apresenta algumas soluções para os problemas mais comuns que rondam um relacionamento amoroso.

Quando o ciúme desgasta a relação
O ciúme é um defeito bem comum no ser humano, mas não é por isso que devemos tolerá-lo em nossas vidas, pois é algo negativo e pode sim desgastar um relacionamento. Você pode lidar com o sentimento de ciúme através da fé. Toda vez que o pensamento de ciúme vier em sua mente, rejeite-o, ore pelo seu parceiro, para que ele não caia em tentação, e tenha bons olhos. Na teoria, isso é super fácil, mas, na prática, eu sei como pode ser difícil, porém é a única maneira de lidar com ele.
Trabalha-se demais e falta tempo para dedicar-se ao(à) parceiro(a)
O trabalho é uma necessidade, mas a família também. Se o trabalho está tirando o seu tempo com a família ou o parceiro, você está plantando algo ruim para o futuro desse lar, pois assim como a falta de tempo entra no meio da comunhão do casal, ela também entra como barreira entre pais e filhos, trazendo a rebeldia para dentro de casa. E se não há tempo para o parceiro, muito menos há para Deus! Coloque suas prioridades no lugar: Deus, família, carreira, etc.
Problemas financeiros
Para lidar com problemas financeiros, a pessoa deve em primeiro lugar ser fiel nos seus dízimos e ofertas, e em segundo lugar usar de sabedoria, pois Deus abençoa aqueles que são fiéis a Ele. Mas o Senhor não faz o que a pessoa tem que fazer, que é pensar, se organizar, trabalhar, ser fiel em tudo, ter controle, etc. Se você não faz a sua parte, Deus não pode fazer a parte dEle.
Quando um não quer ter filho
O outro deve respeitar. É por isso que esse tema deve ser discutido antes do casamento para não haver discórdias mais tarde. Muitas pessoas inteligentes têm optado por não ter filhos e eu as admiro muito, pois é uma escolha difícil, mas completamente sábia. O mundo não está ficando melhor, sendo assim, porque trazer mais filhos para se destruírem nele? No entanto, cada um faça conforme a sua fé. O casal deve chegar a um acordo.
Falta de diálogo
A falta de diálogo entre o casal é outro sinal de problemas no casamento. Se você não conversa com quem você vê, e com Aquele que você não vê? O seu casamento é um termômetro da sua vida espiritual.
Quando um tem que resolver tudo sozinho (tarefas domésticas, pagamento de contas...)
Não é fácil, mas às vezes não é uma opção e sim uma obrigação. Se você for esperar na outra pessoa que não entende disso nem gosta, vai se dar mal. Se você estivesse solteiro você teria que fazer isso sozinho mesmo, porque não depois de casado?
Quando se aborrece, se fecha e não quer assunto (por horas e, algumas vezes, por dias)
Vá dormir e escolha acordar disposta a resolver o problema. Não se preocupe com o seu ego, nesses momentos, ele não merece atenção. O casamento é muito mais importante do que um ego ou um orgulho, pense nisso. No caso de o seu parceiro fazer isso, ore e não faça o mesmo. Deus é fiel e vai honrar você.
Fonte: Terapia do amor
O ciúme é um sentimento que faz parte da nossa vida, afinal quem nunca sentiu ciúme de um namorado, amigo, familiar, objeto? Mas, existe um limite para este sentimento? Quando ele deixa de ser normal? Confira uma entrevista feita pelo Portal Arca Universal ao professor e psiquiatra Geraldo Ballone, criador do site www.psiqweb.med.br e autor dos livros “Histórias de Ciúme Patológico e  Da Emoção à Lesão” e “Psiquiatria e Psicopatologia Básicas” e descubra por que nós sentimos ciúmes, quais os tipos de ciúmes e as diferenças entre eles, quando o ciúme pode se tornar doentio, quem é mais ciumento, o homem ou a mulher entre outras questões.
Forte abraço
1 comentário