Caderno de receitas


Estava dando uma olhadinha na biblioteca de fotos do meu tablet e são tantas...quase 5000! Preciso fazer uma triagem e deletar um monte, pois daqui a pouco não vai haver mais espaço rsrsrsrsrs.

Algumas dessas fotos salvei da net, mas a maioria fui eu que tirei e tem de tudo um pouco: Selfies, formatura, aniversários, eventos, comida (preparo ou prato pronto), alguma arte manual que fiz, passo a passo ou fotos sequenciais de diversas coisas, fotos do meu esposo, de Faísca, de pequenos detalhes, clicks daqui, dali ou por aí...é muita foto! O bom é que algumas servem de inspiração aqui para o blog :)

Há um tempo atrás enquanto estava fazendo uma limpa nos papéis aqui em casa, vi que tinha um monte de revistas culinárias e precisava me desfazer de algumas (não dá para ficar juntando papel ou revistas em casa "né"?). 


Resolvi então separar as melhores receitas e fazer um caderno de receitas. 

Folheei cada revista, recortei as receitas mais interessantes ou práticas (por que tem dias que precisamos de praticidade e não dá para ficar horas na cozinha), forrei um caderno simples com papel de presente, dei um toquezinho com um pedaço de plástico rendado (aquele que a gente usa como toalha ou para forrar armários), uma fitinha e depois colei os recortes das receitas no caderno. E fui fotografando tudo rsrsrsrs






Enquanto colava as receitas no caderno, que inicialmente seria para o meu uso, decidi que daria ele para alguém. 



Personalizei uma caixa de presente com o mesmo plástico rendado e fita que usei para decorar o caderno, separei uma coleção de revistas especificas, montei um kit e dei para minha amiga Natali, que na época estava para se casar. 




Foi um presente simples, mas por ser algo personalizado e feito com muito carinho ela gostou muito.


Quando fotografei esse PAP não imaginava que um dia fosse utilizar numa postagem aqui no blog. 

Passaram-se alguns meses, a Nata já casou (e está muito feliz ao lado do seu marido servindo a Deus no Altar) e resolvi compartilhar, primeiro por que acabei encontrando uma boa solução para a pilha de revistas culinárias que tinha em casa e segundo por que a solução acabou se transformando num gesto - simples, mas de muito carinho. Desejo que inspire alguém.

Postar um comentário