Eu sou a Universal

/
1 Comments
Esse é o título da mais nova (e belíssima) campanha publicitária da IURD que mostra que ser cristão não é como os modelos que vemos estereotipado na nossa sociedade e muito menos como aquelas figuras caricatas que a TV apresenta através das suas novelas. 

O que é ser cristão? Qual é a imagem que vem em sua mente quando você ouve falar que alguém possui uma fé em Deus? 

Talvez passe pela sua cabeça a ideia de uma pessoa religiosa, cheia de dogmas e até preconceitos. Ou quem sabe a imagem que você tenha, seja daquela figura caricata vista em alguma novela, que mostra uma pessoa desequilibrada e fanática como se aquele exemplo fosse verdadeiro.

Se tratando da IURD, normalmente o preconceito que muitas pessoas tem é que seus membros são pessoas alienadas e que passaram por algum tipo de lavagem cerebral. E ainda há aquelas que acham que nem cristãos somos....

Ser cristão é ser uma pessoa independente. 

É viver as palavras de Cristo. 

É ser livre das opiniões alheias. 

É ser capaz de perdoar os próprios erros e conseguir ter paz consigo mesma. 

É amar o semelhante. 

É ter uma família e um lar em harmonia

É ser uma cabeça pensante que não se deixa iludir com informações equivocadas.

É ter opinião própria, independente do pensamento alheio.

É ser determinado. Confiante. Persistente. Batalhador.

Ser cristão é tudo isso e muito mais. É assim que aprendemos na IURD.

Nós somos cristãos e também somos milhões de pessoas no Brasil e em outros 180 países, que lutam, para construir o próprio destino com alegria, trabalho e fé. Somos a Universal.


Amei a campanha, até porque também Eu sou a Universal! 

No canal oficial da campanha lá no YouTube você poderá assistir outros depoimentos de pessoas como a Ana Paula, que é um retrato da mulher moderna, mas que sabe valorizar o mais importante que é a sua fé em Deus.

Confira a matéria publicada na Arca Universal a respeito dessa campanha:

Jesus foi (e é) a Pessoa que deixou o legado da liberdade. Ele pregou que ser livre independe de algemas, e ensinou que ter fé é diferente de ter uma religião.




Ser cristão, como diz a própria palavra, nada mais é que ser uma pessoa que vive (e não apenas fala) as palavras de Cristo.

Aí está a diferença.

É uma pessoa que tem uma vida livre da opinião alheia, que vive em paz consigo mesma, e é capaz de perdoar os próprios erros. Ela ama o semelhante e não cobra nada por isso. Tem um lar harmonioso e uma família unida. E, antes de tudo, tem a alma curada.

É uma cabeça pensante, que não se deixa iludir com informações equivocadas. É uma cabeça que pensa, sim, e não apenas um coração que sente. E que forma a própria opinião independentemente do pensamento alheio.

Essa pessoa é determinada e confiante. É persistente e batalhadora. É o homem que um dia esteve desmotivado, mas se resgatou. É a mulher abatida, que se valorizou. É aquele que um dia foi rejeitado, mas reconheceu a própria importância na sociedade.

Enfrenta lutas? E como!

Mas é tão seguro e tem tanta certeza de que vai superar, que uma tempestade não é capaz de afundá-lo, e nem mesmo transforma problemas em grandes dificuldades. Porque no fundo sabe que eles servirão para o próprio crescimento, e lhes serão úteis em sua jornada pessoal.
Viver assim é ter uma capacidade de formar seus conceitos - longe de preconceitos - mas a partir de opiniões bem definidas. Porque, na verdade, ele não é religioso. A sua base é a fé. Em outras palavras, vive de certeza em certeza. A certeza de que seu futuro depende de si mesmo e não dos outros.

E por isso traz à tona a própria grandeza, a persistência de vencer, porque sabe que vai colher aquilo que plantar.

E se for para resumir, essa pessoa sabe o que é ter uma vida saudável e viver com qualidade.

Porque ser cristão não é falar, é viver Cristo em si.

Para mais informações visite: eusouauniversal.com


Leia também

Postar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Tecnologia do Blogger.